sexta-feira, 20 de março de 2020

Bête noire





Após a desastrosa negligência do partido comunista chinês na contenção, logo na origem, do problema de saúde pública que viria a tornar-se esta terrível pandemia, causa de um inacreditável número de vítimas por todo o mundo, negligência essa exacerbada pelo medo de transmitir más notícias no sentido ascendente da rígida hierarquia daquela implacável ditadura, que foi capaz de ostracizar e prender os médicos que relataram os primeiros casos da doença, observamos uma intensa ofensiva diplomática dos mastins de Xi que julgam poder silenciar a comunidade internacional do mesmo modo que amordaçam a sociedade chinesa.

Infelizmente, num país com uma reles comunicação social como é o nosso, todos aqueles que, no mediatismo dos seus cargos, apontam o dedo ao governo chinês são imediatamente ridicularizados, enquanto as obnóxias atitudes daquele tenebroso governo, então e agora, são cuidadosamente esquecidas.

É muito triste o estado a que chegamos.

Sem comentários:

Publicar um comentário